O Sopro da Tecnologia


Picture 4.jpg

“…A tecnologia não está autorizada a entrar em campo oficialmente.”

A Seleção Brasileira venceu ontem a partida contra a Seleção do Egito pela Copa das Confederações por 4 X 3, com um gol de pênalti assinalado aos 47 minutos do segundo tempo.

Nem o árbitro, nem os assistentes viram a infração. A informação chegou pelo quarto árbitro, que havia visto pelo monitor de tv a ‘defesa’ do zagueiro egípcio em cima da linha de gol, utilizando boa parte do braço.

A Fifa ‘não admite’ o uso de tecnologia que interfira no resultado do jogo.

Mas a regra é clara: mão na bola na pequena área, e que não seja a do goleiro, é cal!

Dunga poderia ter sido prejudicado caso o sopro tecnológico não tivesse ocorrido, além de todos os reflexos diretos e indiretos que uma eliminação precoce poderia causar.

A tecnologia faz derrubar aviões do céu e conecta pessoas ao redor do mundo.

Mas não está autorizada a entrar oficialmente em campo.

Vai entender essa gente.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s