Orquestra X Exército


Barcelona-Real-Madrid_LANIMA20110416_0032_26.jpg

“A bola não entra por acaso?”

Para quem gosta de futebol, falar de Barcelona e Real Madrid é inevitável nos dias de hoje. Principalmente porque num intervalo de 18 dias, teremos o privilégio de acompanhar quatro partidas sendo disputadas entre as duas equipes espanholas: uma pelo Campeonato Espanhol 2010-2011 (empate em 1X1, em Madrid), uma pela final da Copa do Rei (vitória do Real Madrid por 1X0, em Valência) e duas pelas semifinais da Liga dos Campeões da Europa (0X2 em Madrid e 1X1 em Barcelona).

Confesso que há tempos não escrevia um texto mais elaborado, em parte por ter encontrado no Twitter (@tega) uma saída mais rápida para descarregar as ideias, mesmo que limitadas a 140 caracteres. Mas nos últimos dias consegui reunir algumas anotações, contando com ajuda dos amigos, ao fazer a seguinte provocação: como uma orquestra pode vencer um exército?

Esta analogia pode ser percebida se compararmos os desempenhos de duas das principais equipes de futebol do mundo.

O F.C. Barcelona, seria a orquestra. Repleto de músicos tecnicamente excelentes e com inteligência de jogo (*) mais consolidada e acima da média. Possui um maestro competente, de comprovada liderança e de conhecimentos suficientes para reger seus atletas e manter a harmonia da equipe, mas que não é tão fundamental…

O modelo de jogo (o norte, ou seja, como a equipe treina e se porta nos jogos, no sistema defensivo, nas transições e no sistema ofensivo) é muito bem definido e aproxima-se da excelência, e não muda em função do adversário. A posse de bola é muito valorizada durante toda a construção desse processo.

A cultura de jogo mistura-se à sua filosofia: ‘Més que un Club’ e vem sendo construída há anos, reproduzindo-se desde suas categorias de base. O perfil de seus atletas reflete muito bem esta cultura e dificilmente desafinam ou saem do tom, principalmente porque o F.C. Barcelona é um clube formador.

Já o Real Madrid seria o exército. Muito mais dependente de seu comandante, que além de ser um grande líder é peça fundamental ao criar as estratégias e armadilhas que sejam bem executadas em cada batalha. Compromete seus atletas com uma meta principal e extrai o máximo deles, individual e coletivamente. Os soldados também são considerados tecnicamente excelentes, mas com inteligência de jogo em processo de desenvolvimento. Recrutados a peso de ouro, coadunam com o perfil de clube comprador que é o Real Madrid.

Talvez por este motivo fique mais fácil perceber que o clube ainda não possui uma cultura de jogo definida. Já o seu modelo de jogo é bem executado, mas ainda distante da excelência. Mais flexível, muda de acordo com o adversário, valorizando a progressão rápida ao gol.

Se constatarmos que os imaginários “exército” e “orquestra” estão em condições iguais de disputa: mesmo número de jogadores, treinadores ávidos por colocarem seus nomes na história e onde “armas” e “instrumentos” se transformam simplesmente em suor e chuteiras, conseguiríamos determinar quem tem mais chances de sair vencedor dos confrontos?

Em quem você apostaria: na orquestra ou no exército?

Entender melhor o contexto das duas equipes pode nos preparar para realizar escolhas mais acertadas e permitir um melhor convívio com fatores que não podemos controlar. Neste sentido, competência, dedicação, estrutura de trabalho e recursos financeiros são ingredientes importantes, mas não representam tudo o que deve ser considerado.

No futebol, e na vida de forma geral, existem novas maneiras de enxergarmos uma situação, e que coloca em xeque tudo o que acreditamos saber até então.

Como afirma o ex- vice presidente do F.C. Barcelona, Ferrán Sorian, ‘A bola não entra por acaso’.

Mas talvez ela entre sim, mais do que possamos imaginar.

(*) a inteligência de jogo é a capacidade de resolver as situações-problema do jogo de maneira eficiente utilizando seu acervo técnico, tático, físico e psicológico.

Anúncios

5 comentários

  1. waldemar lemos · abril 28, 2011

    Meu querido, excelente comentário em uma linda manhã como esta!!!
    Nada melhor acordar recebendo algo inteligente, interessante que fortaleça ainda mais idéias sobre o futebol. Sabemos bem que “Jogar Futebol Antes de Tudo” é um grande tema, mas saber relacionar “A Força x A Arte” com tamanho esclarecimento, somente vindo de voce e seus companheiros que lutam pelo fortalecimento do futebol na Universidade. Parabens! Admiro com relativa frequencia o trabalho de voces e espero continuar recebendo o que for possível me enviar.

    • Tega · abril 28, 2011

      Dema, que enorme satisfação de ler sua gentis palavras logo cedo! Minha admiração por você é recíproca e tê-lo como um amigo é privilégio de poucos. Um grande abraço e mande notícias sempre que puder… Tega

  2. Eric Regattieri · abril 25, 2011

    Venho por meio desta mensagem parabenizar o site como um todo,apreciando a visão sistêmica do futebol e tornando ele um pouco ‘menos não exato’ como muitos entendidos costumam dizer.
    Todas as linhas de raciocínio são perfeitas e dentro de cada departamento há um enfoque interessantíssimo a cerca de tudo que rege essa arte esportiva. Mas a principal razão de qual estou escrevendo é que acredito veementemente nessas teorias e ao mesmo tempo tenho certeza de que elas precisam de mais tecnologia para serem desenvolvidas (mais aprofundadas ).
    Agradeceria demais se tivesse um retorno de qualquer integrante da equipe de vocês, me considero um estudioso do futebol pelo próprio sentido da palavra e se trocarmos contatos de maneira constante acredito que terei muito a somar à todos esses estudos.

  3. Márcio Lestingi · abril 23, 2011

    Excelente texto, Tega. Continue a escrever, mas não só no Twitter. abç, Marcião do Blog Nó Tático

    • Tega · abril 23, 2011

      É um prazer tê-lo como leitor, Marcião. Um forte abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s